A todos aqueles que reproduzem os textos postados aqui, por favor, quando publicarem em outros blogs ou sites favor mencionar o nome do autor, e se possível nos informar para que tenhamos conhecimento e fazer uma parceria. qualquer dúvida ou sugestão mande um e-mail para pcefabi@hotmail.com. Paulo Cezar de Lima
English French German Spain Italian Dutch Russian Hindi Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Noiva ou Ficante?


Ficar é uma gíria brasileira que designa uma relação afetiva sem compromisso, normalmente tem natureza efêmera. É um namoro "relâmpago"; diferencia-se de namorar porque o namoro envolve um compromisso (que comumente envolve fidelidade) e ao menos teoricamente, tem como característica a durabilidade.

O tema de hoje, parece um pouco estranho, até porque quando tratamos sobre ficar, logo nos vem à mente alguns jovens e adolescentes imaturos e inconseqüentes, que (namoram?) com uma menina(o) hoje, e com outra(o) amanhã sem um compromisso sério.


Segundo o que o mundo vive, é normal ficar, e muito jovens (crentes) tem sido vítimas desta pratica mundana e descompromissada consigo mesmo, com o ficante e principalmente com Deus.


Tendo como base essa atividade que o mundo vive, quero a luz das escrituras provar que, muitos crentes apesar de não concordar com o mesmo, estão praticando o “ficar” em nossas igrejas.


Israel foi um povo escolhido por Deus, porém também foi um povo rebelde, que não sabia retribuir a Deus o seu amor, antes tinha uma relação onde na primeira oportunidade estavam traindo Deus com a adoração a deuses estranhos. Se lembravam de Deus, sim, porém somente nos momentos de tristeza e lutas.


Isso não te parece com muitos crentes que temos em nossos templos? No domingo estão no culto, choram, adoram a Deus, se entregam totalmente, porém após a benção apostólica traem Deus com os deuses estranhos, saem do culto como se nada de diferente houvesse acontecido, como se não houvessem desfrutado do amor de Deus e da sua misericórdia são levados a adorar ao deus desse século.


Pessoas que vivem um evangelho sem compromisso, estão na igreja, mas estão com suas mentes voltadas para a novela, para os atrativos que o deus desse século lhe oferece.


Jesus não quer ficante, que desfrute do seu amor e da sua presença somente entre quatro paredes de um templo, mas ele que noiva, que esteja preparada para aquele grande dia em que o noivo virá para busca-la.


Presbítero Paulo Cézar

Um comentário:

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro irmão,
Pb. Paulo Cezar Lima,

A Paz do Senhor!

Parabéns pelo seu edificante texto, assim como também agradeço pelo link do POINT RHEMA neste belíssimo espaço!

Já incluí seu link no meu blogorol!

Um grande abraço!

Pr. Carlos Roberto

Artigos mais Lidos

Caixa de promessas